Proverbios em Português

| a | b | c | d | e | f | g | h | j | l | m | n | o | p | q | r | s | t | u | v | todos |

Quando a barriga está cheia, toda goiaba tem bicho.
Quando a esmola é demais, o santo desconfia.
Quando o dinheiro fala, tudo cala.
Quando o pobre come frango, um dos dois está doente.
Quando pobre come vitela, um dos dois está doente.
Quando um burro fala o outro baixa as orelhas.
Quando um burro fala, os outros abaixam as orelhas.
Quando um não quer, dois não brigam.
Quanto mais se vive, mais se aprende.
Quem a alto sobe de alto cai
Quem ama o feio, bonito lhe parece.
Quem anda na chuva se molha.
Quem ao moinho vai, enfarinhado sai.
Quem avisa amigo é.
Quem bem ouve, bem responde.
Quem boa cama faz, nela se deita.
Quem brinca com fogo se queima.
Quem cala consente.
Quem canta seus males espanta.
Quem canta, seus males espanta.
Quem casa não pensa, quem pensa não casa.
Quem casa quer casa.
Quem casa quer casa.
Quem com ferro fere, com ferro será ferido.
Quem com os cães se deita, com pulgas se levanta.
Quem conta um conto aumenta um ponto.
Quem corre por gosto não cansa
Quem de longe acena, de perto se condena.
Quem desdenha quer comprar
Quem desdenha quer comprar.
Quem diz o que quer, ouve o que não quer.
Quem dá aos pobres empresta a Deus.
Quem dá o que tem a mais não é obrigado.
Quem espera desespera.
Quem espera sempre alcança
Quem espera sempre alcança.
Quem furta pouco é ladrão, que furta muito é barão.
Quem muito fala pouco acerta
Quem muito fala, muito erra.
Quem muito fala, pouco acerta
Quem muito pede, muito fede.
Quem muito quer saber, mexerico quer fazer.
Quem muito se abaixa mostra o rabo.
Quem má cama faz, nela jaz.
Quem nasce torto morre envergado.
Quem nasceu para dez réis não chega a vintém.
Quem nasceu para tatu morre cavando.
Quem nunca comeu melado quando come se lambuza.
Quem não arrisca, não petisca.
Quem não cansa, alcança.
Quem não chora não mama.
Quem não deve não teme.
Quem não pode com mandinga não carrega patuá.
Quem não pode morder não mostre os dentes.
Quem não poupa reais não junta cabedais
Quem não quer ser lobo não lhe vista a pele.
Quem não sabe dançar, diz que a sala está torta.
Quem não se enfeita se enjeita.
Quem não tem cão caça com gato.
Quem não trabuca não manduca
Quem o alheio veste na praça pública o despe.
Quem o feio ama, bonito lhe parece
Quem os meus filhos beija, minha boca adoça
Quem ovelhas cria, tolo é se não as tosquia.
Quem parte e reparte e não fica com a melhor parte, ou é burro o não tem arte.
Quem perde a honra pelo negócio, perde a honra e o negócio.
Quem perde a vergonha fica dono do mundo.
Quem planta colhe.
Quem pode o mais, pode o menos.
Quem procura acha.
Quem quer a rosa, agüente o espinho.
Quem quer bolota sobe à carvalha
Quem quer vai, quem não quer manda.
Quem quer vencer, aprenda a sofrer.
Quem sai aos seus não degenera.
Quem semeia ventos colhe tempestades.
Quem tem boca não manda soprar.
Quem tem boca vai a Roma.
Quem tem cu tem medo.
Quem tem rabo de palha não senta perto do fogo.
Quem tem telhado de vidro não atira pedra no do vizinho.
Quem tudo quer tudo perde
Quem tudo quer tudo perde.
Quem tudo quer tudo perde.
Quem vai ao mar perde o lugar.
Quem vê cara não vê coração.
Quem vê caras não vê corações
Quem é bom já nasce feito.
Quem é vivo sempre aparece.
Quer quer faz, quem não quer manda.
Querer é poder.